A Filosofia é o motor da mudança

04/11/2013 14:12

Recentemente, publiquei aqui, sob o título "Filosofia sem medo", uma defesa da popularização do pensamento dos principais investigadores das questões fundamentais da existência humana, pessoas a quem denominamos genericamente de filósofos, ou os que têm amor à sabedoria, como define o dicionário.

 

Quem frequentou o Ensino Médio soube da existência dos gregos Sócrates, Platão, Aristóteles, e também do francês Descartes, aquele que um dia sentenciou: "Penso, logo existo". Se teve sorte, ouviu falar ainda de Kant, Hegel, Marx e Nietzsche, dentre outros, em geral por meio de frases a eles atribuídas, quase sempre simplificadoras de suas ideias, fora do contexto em que foram utilizadas.

 

Acontece que a Filosofia e os filósofos são mais que isso. São, na verdade, os reais formuladores dos pensamentos e das ações humanas praticadas ao longo dos séculos e milênios que se estendem até aqui. Influenciados pelos conceitos originários da excepcional capacidade de abstração desses poucos homens é que outros têm desenvolvido teorias inovadoras em todas as áreas do conhecimento humano, contribuindo para a construção da rede de inventividade denominada ciência, e para a projeção de seus reflexos sobre a vida cotidiana, a chamada tecnologia.

 

A Filosofia, portanto, não está parada no ar. Não habita um lugar misterioso, distante, inacessível. Não se destina; não deve se destinar ao círculo dos iniciados. As pessoas que têm a felicidade de frequentar as academias sabem disso. Sabem que as formulações de Kant, Hegel, Marx, e de tantos outros, constituem a substância daquilo que os comuns dos mortais praticamos em nosso cotidiano. Por desinformação, desconhecemos que nossas vidas são ditadas por ideologias. Mais ainda: ignoramos que as ideologias decorrem de sistemas formulados por filósofos.

 

Por isso, é preciso colocar a Filosofia ao alcance de todas as pessoas. Tirá-la do âmbito da academia. Expandir a sua divulgação, de forma apropriada e sem dogmas, para todas as camadas sociais, é um dos maiores, senão o maior desafio da educação deste nosso tempo.