Agora aguentem, aguentem até o fim...

01/12/2016 07:07

Claro, depuseram uma governante democraticamente eleita por 54,5 milhões de votos, sabidamente honesta, e esperavam o quê, que essa violência injetasse um novo ânimo no coração do Brasil? 

Claro, empoderaram um grupo de corruptos notórios, de carteirinha, para conduzir e perpetrar um golpe de Estado via falso impeachment, e esperavam que esses crápulas velhos de guerra passassem a se conduzir com integridade ao tomarem o poder?

Claro, acovardaram-se miseravelmente, pateticamente, em sua tarefa — única tarefa! — de fazer cumprir a Constituição e proteger os interesses do País, e agora clamam e batem os pezinhos 'em defesa' da independência do Judiciário e das prerrogativas do Ministério Público?

Claro, insuflaram as massas ignaras e às conduziram às sacadas dos apartamentos dos bairros mais abonados para que batessem panelas e passeassem nas ruas contra a 'corrupção do PT', e agora fingem se espantar ao terem de admitir que os verdadeiros corruptos é que mandam na coisa pública?

Claro, encheram de razão um grupo de juízes e promotores despreparados, traidores dos interesses nacionais, descumpridores da lei, ideologicamente condicionados por um viés fascista, e agora estão espantados que esses sujeitos queiram mais, queiram total impunidade para seus atos e desatinos?

Claro, além de escorraçarem Dilma Rousseff, passaram desde sempre a perseguir Luiz Inácio Lula da Silva, apenas e tão-somente porque ele não tem origem nas 'elites' escrotas desta nação e fez um governo voltado para a distribuição de renda, e agora se espantam ao verem a economia destruída, as indústrias quebradas e o desemprego explodindo?

Claro, tiraram dos jovens a esperança de um futuro promissor, avalizado pelos investimentos em Educação provenientes da exploração do pré-sal; interromperam a ascensão social das classes que vinham ganhando com o crescimento do País nos últimos anos, e ainda não entendem o porquê do desespero que vem tomando conta das ruas?

Claro, entregam a preço de banana a riqueza do pré-sal para companhias estrangeiras, a ponto de presidentes dessas empresas virem ao Brasil agradecer pessoalmente aos golpistas de plantão no Palácio do Planalto pela graça alcançada, e ainda não entendem o porquê de nações que antes nos respeitavam estarem hoje de costas para o Brasil? 

Claro, destruíram todas as iniciativas diplomáticas implementadas nos últimos 13 anos e que nos colocavam no rumo de vir a nos tornarmos um importante interlocutor na política mundial, e hoje se lamentam ao constatar que regredimos à condição de uma república bananeira?

Claro, destruíram um projeto de nação soberana, moderna, inclusiva, democrática, afirmativa, confiante, feliz, e não sabem o que fazer com a terra arrasada em que nos encontramos?

Pois bem, senhores e senhoras, agora aguentem. Aguentem, porque este inferno de Dante constituído por todos os círculos, aqui e agora, é apenas a primeira parte da 'divina comédia' em que se transformou o Brasil.

Aguentem.