Mudar a cultura, proposta de caminho - IV

21/02/2015 11:45

Existem três caminhos para se mudar qualquer prática cultural inequivocamente danosa às pessoas -- como é o descarte inadequado de lixos. A mais rápida e, sem dúvida, eficiente, é a da punição. A de multar e mesmo deter cidadãos surpreendidos no cometimento dessas infrações. É esta que é adotada no chamado primeiro mundo e que nós aqui, no antigo terceiro mundo e agora países em desenvolvimento, confundimos, colonizadamente, com educação.

 

Não são mais educados os europeus e os norte-americanos, necessariamente, porque as vias públicas de suas metrópoles, em especial nas áreas turísticas, são normalmente limpas. Não se veem pessoas jogando lixos nas ruas e supervias dessas cidades. É claro!, porque se um ato desses for surpreendido, o responsável será multado sem perdão. E isto pra começar! Ou seja, a decantada 'cultura' dos cidadãos do antigo Primeiro Mundo decorre basicamente da prática da punição.

 

A eficácia desse caminho é evidente. Mas merece observações. A primeira é a das condições econômicas. Aplicar multas a pessoas com recursos é mais fácil do que a pessoas que não possuem renda para atender sequer às necessidades de um mês. Outra, também fundamental, é a da personalidade dos povos. Os homens e mulheres do Hemisfério Sul, por motivos e razões que não cabem ainda examinar, são tradicionalmente menos disciplinados que os do Norte. Texto V