Reflexões sobre o histórico 18 de Março de 2016, ou delenda Lula

19/03/2016 12:25

1) No domingo, 13 de março, houve fúria, desespero, desrespeito, violência, desatino, ignorância, burrice e um imenso desfile de ótários cercados de corruptos. Tome-se uma foto qualquer daqueles ajuntamentos eletrizados, qualquer uma, em qualquer das cidades em que essas pessoas se apresentaram, e se investigue o porquê de cada uma estar ali. Poucas, pouquíssimas saberão articular com um mínimo de coerência as suas razões. Isto porque seus motivos são difusos, banais, muitas empurrados à rua pela simples mimetização de amigos e vizinhos, quem sabe com medo de parecerem diferentes. Democracia? Sim, até os idiotas têm seus direitos assegurados na Constituição. Que protestem, só não podem agredir quem deles diverge, como fizeram.

 

2) Sexta-feira, 18 de março (sem catraca do metrô liberada em São Paulo, como ocorreu no dia 13), no final de uma jornada de trabalho de uma semana difícil, tensa, dezenas de milhares se apresentaram nos grandes espaços das maiores cidades brasileiras para trazer, com alegria e leveza, uma simples mensagem que aponta para o futuro: "VemPraDemocracia". É emocionante quando a cidadania se une em torno de um objetivo tão cristalino e justo. Havia música. Palavras de ordem, como "NãoVaiTerGolpe", tudo em favor de um Brasil irmanado, mais justo, diverso e pleno de potencialidades esperando para serem realizadas, como de fato é este País. É só ver as imagens desse dia 18 de março de 2016.

 

3) Por fim, teve a presença de Lula... O que seus inimigos querem destruir é aquilo que esteve na Avenida Paulista na noite de ontem. Não conheço, nestes nossos tempos, um ser humano com tanto poder de conquistar o coração das pessoas com sua fala, como Luis Inácio Lula da Silva, pernambucano, sobrevivente da seca do Nordeste brasileiro, presidente duas vezes desta República, sujeito respeitado por quem dele não tem medo e temido pelos demais. Calma, senhores, Lula é da paz, do bem. Suas liderança não paraliza as mentes, como fazem os fascistas; Lula conquista o coração das pessoas, sem impedir que elas continuam pensando e agindo por eles mesmas. Ele abre a mente de seus ouvintes de forma cordial e divertida, mostra que todos e cada um de nós pode ser o que quisermos. Sim, para muitos (inclusive os donos do dinheiro do mundo, que vivem às custas da miséria alheia) Lula é um perigo. Delenda Lula, é o que determinaram.

 

4) Mas não vão conseguir. NãoVaiTerGolpe!